INFORMAÇÃO: Sage Retail/Sage Gc/FactuPlus: Versão 2017.03.08 – Em Sistemas Operativos com Office 2010 x64 instalado, caso ocorra erro ao iniciar (aplicação deixa de responder), desinstale o “Microsoft Access Database Engine 2010” no Painel de Controlo. Lançaremos nova atualização brevemente.
Seguir
Avatar
João Barbosa

Fim do suporte ao Windows XP e Office 2003. Qual o impacto nas aplicações SAGE?

Criado em: / Actualizado em:

O Suporte ao Windows XP e Office 2003 termina a 8 de Abril de 2014.
A partir desta data a Microsoft deixará de disponibilizar updates relacionados com falhas de segurança e correções ao Sistema Operativo. 
A Microsoft recomenda a migração para uma versão suportada do Windows.

Qual o impacto nas aplicações SAGE?

Actualmente as aplicações Sage funcionam no Windows XP Profissional e Office 2003.
No futuro, pela evolução tecnológica das ferramentas usadas pela Sage e pela Microsoft esta compatibilidade não é assegurada, pelo que recomendamos a substituição do Windows XP, por forma a evitar constrangimentos na utilização das aplicações Sage.

Poderão ainda ocorrer constrangimentos na integração de dispositivos (Impressoras/balanças/outros) nas aplicações Sage, resultantes de incompatibilidades com os drivers de hardware, uma vez que os fabricantes deixarão de disponibilizar alterações/updates para o Windows XP.

Consulte o link da Microsoft: http://www.microsoft.com/pt-pt/windows/enterprise/end-of-support.aspx

 windowsXP3.png

A utilização do Windows XP SP3 e do Office 2003 no seu ambiente de trabalho após a data de fim do suporte poderá expor a sua empresa a riscos potenciais, tais como:

  • Riscos de Segurança e Conformidade: Os ambientes sem suporte e sem correções são vulneráveis a riscos de segurança. Tal poderá causar uma falha de controlo oficialmente reconhecida por uma entidade de auditoria interna ou externa e, desse modo, levar à suspensão de certificações e/ou à emissão de um aviso público sobre a incapacidade da empresa na manutenção dos sistemas e das informações dos clientes.
  • Ausência de suporte por Fabricantes Independentes de Software (ISV) e Fabricantes de Hardware: Um recente relatório de mercado da Gartner Research sugere que "um grande número de fabricantes independentes de software (ISV) deixará de suportar novas versões de aplicações no Windows XP em 2011; em 2012, essa prática será mais normal". E isso também poderá inibir o acesso às inovações de hardware: a Gartner Research salienta também que, em 2012, a maioria dos fabricantes de hardware deixará de suportar o Windows XP na maior parte dos novos modelos de PC.

 

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 18 de 18
Tem mais dúvidas? Submeter um pedido

Comentários

Powered by Zendesk