Seguir
Avatar
Bibiana Belfo

Server Collation nas Aplicações Sage

Criado em: / Actualizado em:

SERVER COLLATION

A collation da instância do servidor SQL vai definir várias parametrizações das bases de dados que vão ser instaladas e não é possível mudar depois da instância estar instalada sem voltar a correr o setup.

A instância do SQL Server que é criada no setup das nossas aplicações usa a collation Latin1_General_CI_AS sem que para isso necessite de intervenção do utilizador.

As bases de dados da Sage são distribuídas com a collation: Latin1_General_CI_AS

Server_Collation_1.png

Qual é o seu significado?
Latin1_General = Linguagem por omissão (usada por exemplo no inglês)
CI =  Case Insensitive
AS = Accent Sensitive

Onde fica armazenada?
A collation está associada a vários objectos: servidor, base de dados (sejam do utilizador ou do sistema: master, model, tempdb), tabelas, colunas.
Ao alterar num local, não são alterados automaticamente nos outros. Por exemplo, ao alterar na base de dados não serão alteradas automaticamente todas as tabelas. 

Que erros podem surgir por usar uma collation incorrecta?
Ao usar uma collation “case sensitive” : qwert <>QWERT
Ao usar uma collation “case Insensitive” : qwert =QWERT
O mesmo se aplica para o parâmetro Accent Sensitive

Se uma query cruzar duas tabelas que têm atribuídas duas collations diferentes, é possível que essa query falhe com erro específico, porque o Sql não consegue efectuar a comparação usando duas collations distintas em dois objectos distintos.

Como aparecem collations distintas associadas a tabelas da mesma base de dados?
Por exemplo com a importação de uma tabela de outra base de dados.
Ao criar uma empresa nova ela é criada com a collation por omissão do servidor.

A collation que deve ser seleccionada durante a instalação do servidor SQL, deverá ser a apresentada na imagem:

mceclip0.png

 

 

Este artigo foi útil?
Utilizadores que acharam útil: 2 de 2
Tem mais dúvidas? Submeter um pedido

Comentários